terça-feira, dezembro 20, 2011

SER ROSA...???- Meditação do dia!







Ser rosa não é tarefa fácil
que cedo nos levam por maus caminhos...
Ser mulher é ser quase como a rosa,
pois cedo nos enchem a alma de espinhos...

Era bom que o caminho fosse liso e leve,
o coração aberto, cheio de alegria!
Cedo encontramos na vida os escolhos,
mas na coragem dos teus olhos,
esperava encontrar rosas, em cada dia!
(Dad)


6 comentários:

Paixão Lima disse...

Chama-lhe meditação do dia...
Como se fora uma oração a um Deus desconhecido.
Na minha opinião, o que escreveu é um poema muito belo e sentido.
Parabéns, Dad.
Mas ser Mulher não é ser «quase» como a rosa. Ser mulher é ser uma rosa mesmo.
E todas as rosas têm espinhos onde nos picamos, mão não deixam de ser belas.
Não se esqueça de manter sempre acesa a vela da esperança, para que ela não morra.
Beijo.

Maria Eduardo disse...

Olá Minha Amiga,
Que belo poema, só uma grande poetisa e artista como a minha amiga é, consegue fazer esta analogia tão bela. Era bom que o "caminho fosse liso e leve, o coração aberto e só alegria" mas os escolhos surgem sem se esperar...talvez os olhos corajosos para quem olha, lhe dêem rosas algum dia!...

Maria Eduardo disse...

Um Beijão Amiga, com muita amizade.
mariaeduardo

Green Knight disse...

"As mulheres constituem a metade mais bela do mundo." (Jean-Jacques Rousseau)
Feliz Natal
Bjs Dad
jrom

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Dadamiga

Encontrei-te no Alcatruzes da nossa Mariamiga e bendito o dia de hoje, porque foi justamente hoje que te descobri.

Pintora e poeta, poeta e pintora, gosto disso, porque... gosto. E está tudo dito. Sou assim.

As rosas são mulheres, porque as mulheres são flores ou, pelo menos, deviam ser. E a esperança que existe no teu poema significa que ainda há muitas rosas, com espinhos, naturalmente.

Espero por ti na minha Travessa que também será tua.

Qjs = queijinhos = beijinhos

Maria disse...

Querida Dad
Para ti


Ser mulher também custa.
Nascemos já marcadas para sofrer
Amar, pecar, perdoar e para perder
Para ter filhos e sermos desfloradas.

Primeiro somos botão lindo e fresco.
Depois belas rosas bem em flor.
As folhas vão caindo, o caule fica seco
Morremos de tristeza e desamor.

Beijinhos
Maria