quarta-feira, outubro 11, 2006



O amor nasceu ali,
naquele lugar perdido
de todo o pensamento de ternura.
Entre cactos e cepas e trigo não ceifado,
na lua vista ao longe, no céu enluarado,
o olhar desse amor na seara deserta
abriu-nos os seus braços
de alegria e cansaços...
E cegos do enleio desse trigo maduro
sedentos desse mosto que o amor produz
unimos as nossas almas e os corpos também,
sorvemos desse vinho que no amor vem.
E no abraço súbito da branda loucura,
pensámos em fontes, em água tão pura
nunca vislumbrada... que a sede era tanta...

A fonte é distante, longe na paisagem...
A fonte para nós, amor,
É pura miragem!!!

35 comentários:

Lua disse...

Gostei!
Bonito!

Beijinhos luarentos,

augustoM disse...

O bucolismoa da paisagem,
enternece-nos o coração, e o
desejo de amar é insacíavel, mesmo que que a fonte esteja distante.
Muito bonito. Um beijo. Augusto

Anónimo disse...

Um lindo poema, um momento mágico, que inunda o rosto de quem lê com um sorriso...
beijo e bom fim de semana

Unicus disse...

Belissimo..

Anónimo disse...

Oi meu anjo,

Espero que estejas bem, faz algum tempo que não te "vejo".
Adorei este teu post.
Aproveito para te desejar um lindo fim de semana e uma semana cheia de luz.
Bjokas mil e xi - corações.

wind disse...

Belo:)
beijos

Anónimo disse...

Gostava de escrever assim e viver ni«um sítio desses, boa semana

Dad disse...

Meus queridos Amigos,

Muito obrigada a todos os que por entraram e deixaram lindas palavras.

Espero dentro em breve visitá-los a todos.

Um grande beijinho,

Dad disse...

Especialmente para o/a?? UNICUS que me visita pela primeira vez e como não posso deixar rasto no seu blog
porque não permite comentários, aqui vai o meu abraço, fazendo votos que voltes sempre, pois será sempre bem vindo!

Beijinho,

ALICE disse...

MINHA QUERIDA E BOA AMIGA

Vejo, na fotografia, uma azenha com duas janelas, uma aberta e outra fechada, e água dum riacho que parou, pois a roda da azenha também dá sinais de estar parada.Tudo está no seu lugar e nem sei se foi ali (podia muito bem ter sido) que tudo aconteceu (se aconteceu) - "O amor nasceu ali" - como no-lo pinta com a sua mestria e fundo musical a que já me habituou.
Não sei mesmo se foram os seus versos que me prenderam se foi o silêncio e a profundidade daquela fotografia, amarelecida pelo tempo, a deixar advinhar chuva recente e uma pontinha de mistério.
Depois, não se admire que lhe venham bater à porta,os sedentos de AMOR e todos os que já o conheceram bem de perto. Que tela magnífica nos pintou, pondo o Amor no centro dum espaço com ramos e giestas e estrelas bem distantes, com noites de luar e silêncios de presente e aromas de corpos e almas abraçados e fontes de água fesca bem distantes
Depois não se admire!!!... minha Querida, depois não se admire!!!

Aceite um beijinho da

Alice

Walkyria disse...

Dadinha, és uma prça imprescindível no nosso côro. Eu respeito todas as tuas decisões. Beijos Amiga Walkyria

Dad disse...

Querida Walkyria,

Se todos os dramas fossem iguais ao meu, o mundo estaria feliz!
Para além disso, eu, como sou democrata, penso que a alternância é saudável.
Nunca me passará pela cabeça prejudicar ninguém...nem a mim, como é óbvio!

Espero que o patamar que conseguimos seja sempre superado para melhor e o futuro a nós todos pertence, o que precisamos é saber geri-lo!

Haja o que houver, o Coro será sempre fundamental para a minha vida e saúde mental porque só quem nunca cantou num Coro, não sabe o bem que ele nos faz! Concerteza recebemos sempre muito mais do que aquilo que damos e haja o que houver, sou suficientemente honesta para nunca deixar o nosso Maestro desacompanhado. Se for por diante com a minha ideia, deixarei o lugar bem assegurado e darei todo o apoio possível a quem me substituir.

De qualquer forma, fiquei muito sensibilizada por estas palavras, querida Walkyria!

Um beijinho grande,

Janine Bettencourt disse...

Um belo local para começar um amor... pela tua descrição até eu gostava de um sítio assim para começar a amar.
Saudações lunares,
Jana Bettencourt

Blue Lady disse...

Lindoooooo!

Beijinho,

cantor disse...

Olá!

Gostei imenso deste poema!

Um abraço,

Paulo Sempre disse...

Neste blogue, as imagens e as palavras, fizeram com que recorda-se momentos de luar...e outros similares. Agora, que vou sair, com a promessa de voltar....só uma coisa levo: O desassossego!!!
Paulo

Por uma lagrima disse...

Como foi bom passar por este cantinho tão suave... tão mágico!
Deixo uma lágrima de saudade
Levo uma vontade grande de voltar.

* White Roses Princess* disse...

esta genial e belo... muitas vezes o amor é mesmo uma fonte de inspiraxao..gxtei d passar aqui...



voltarei...



***********************


*White Roses Princess*

A Rapariga disse...

Pura miragem, dizes bem!

E no abraço súbito da branda loucura,
pensámos em fontes, em água tão pura
nunca vislumbrada... que a sede era tanta...


Beijo

Eritia disse...

Lindo sopro de luar...
Voy pintando el aire para llenar una larga ausencia real y virtual.
Abrazos de amistad.

Paula Raposo disse...

Fotografia e palavras encantadoras!! Beijinhos.

cantor disse...

Os seus poemas são muito lindos.
Fazem-me bem à alma.

Um abraço deste seu admirador,


ET: Já a linkei.

Anton disse...

Belíssimos poemas. Só agora aqui cheguei mas gostei de ler. Pintora e poetisa! Uauuuu!!!

Vou voltar para me deliciar com os conteudos deste belo blog.

Muitos parabéns!

Quirologo disse...

Estás a ficar cada vez melhor

Quirologo disse...

Estás a ficar cada vez melhor

Paula Raposo disse...

Obrigada pelas tuas palavras nas romãs. Se me enviares um email com a tua morada, envio-te o livro. Beijinhos, bom fim de semana.

Manuela disse...

Venho desejar-te um bom fim de semana. Gostei do poema.

Beijinho para ti.

maria rita disse...

Gosto dos teus poemas e este diz-me muito. Até parece que foi feito à minha medida.

Este cenário, eu conheço-o...

Desejo-te um bom fim de semana em paz e amor.

Lua disse...

Já que a chuva nos espreita,
e no seu cair não é mole
pra alegrar o coração,
desejo-te ardentemente,
um belo dia de Sol!!!

Beijitos e abracitos,

LBR disse...

Obrigado pelas palavras do poema e pelas que deixaste no meu blogue "atitude...". Um fim de semana cheio de sol para esse coração, para esses momentos de luar.

http://www.myspace.com/lmano -> amar é talvez...

(curiosidade: encontrámo-nos nos blogsticios?)

1 bj.
l.

dulce disse...

Passei para visitar o teu cantinho.
Obrigada pela visita.
Beijos.

um amigo disse...

Beijinhos e abraços.

Gostei do concerto de ontem.

Luís Monteiro da Cunha disse...

"Não é a miragem que encanta
é o encanto da miragem
que alenta"
lmc

Obrigada amiga
pelas tuas visitas e palavras ternas

bjinhos

collybry disse...

Vezes ha que a miragem se torna realidae e a realidade uma miragem, lindo Poema...Voltarei____
Meu rasto, Cõllybry

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,